Pesquisar
  • Enterprise Strategy Group

    Um oferecimento:
    Enterprise Strategy Group | Getting to the Bigger Truth™

    A indispensável complexidade da nuvem

    configuração de dados

    Por que as organizações devem unificar e simplificar
    o gerenciamento de seus ambientes dispersos de várias nuvens

    Por Adam DeMattia, diretor de pesquisa,
    Mark Bowker, analista sênior, Scott Sinclair, analista sênior

    A complexidade da nuvem existe hoje

    nuvem

    78%

    das organizações acreditam que a consistência do gerenciamento da nuvem impulsionaria a eficiência e simplificaria as operações

    nuvem

    APENAS 5%

    realmente alcançou
    consistência em nuvem

    Metas de pesquisa e histórico

    Em um estudo pioneiro, a Dell Technologies, a VMware e a Intel Corporation se dispuseram a entender e comparar como as organizações estavam gerenciando ambientes de nuvem diferentes. Para fazer isso, fizemos uma parceria com o Enterprise Strategy Group para realizar uma pesquisa global com 1.257 tomadores de decisões em TI em organizações que usam serviços de nuvem pública hoje.

    O que aprendemos? Em suma, o caos da nuvem é a norma, e apenas algumas organizações têm aproveitado o poder de um gerenciamento da nuvem consistente. Mas também há boas notícias. Aqueles que alcançaram a consistência do gerenciamento e da orquestração da nuvem unificados tiveram ganhos antecipados significativos em relação aos colegas menos avançados.

    A pesquisa recém-concluída incluiu os entrevistados da América do Norte (38% dos entrevistados), Europa Ocidental (29%), Ásia (17%) e América Latina (16%). Todas as organizações dos setores público e privado foram incluídas no escopo da pesquisa, com alto nível de envolvimento de organizações de tecnologia (26%), produção (17%), serviços financeiros (11%), varejo (9%) e área de saúde (8%).

    Definição do que significa ter aproveitado a consistência de gerenciamento da nuvem

    Para avaliar a consistência do gerenciamento da nuvem, incluímos três perguntas nesta pesquisa:

    ícones manutenção

    Quantas ferramentas de gerenciamento de infraestrutura estão em uso para administrar os recursos de nuvem pública?

    ícones nuvem documento

    A organização é capaz de usar qualquer uma destas mesmas ferramentas de gerenciamento de infraestrutura no local como faz com os recursos de nuvem pública?

    ícones configuração

    As ferramentas de gerenciamento de infraestrutura usadas no local e fora dele são amplamente confiáveis?

    Foram consideradas como tendo um alto grau de consistência de gerenciamento da nuvem somente as organizações que consolidaram suas ferramentas de gerenciamento da nuvem (três ferramentas discretas ou menos), que são utilizáveis independentemente da localidade da infraestrutura (no local ou fora do local), e que estejam usando essas mesmas ferramentas para gerenciar a maioria dos ambientes no local. Apenas 5% dos entrevistados relataram que a respectiva organização atende a todos esses critérios atualmente.

    Figura 1. Características e escassez de gerentes da nuvem consistentes

    Ferramentas de gerenciamento da nuvem consolidadas

    A organização deve estar usando um número gerenciável de ferramentas para administrar a infraestrutura residente em nuvem.
     

    documento de nuvem

    Usados em nuvens públicas e privadas

    As ferramentas em uso para gerenciar a infraestrutura em nuvem pública também devem ser utilizáveis para a infraestrutura em um ambiente de nuvem privada no local.
     

    Locais

    Amplamente usados no local

    As organizações devem estar usando essas ferramentas ativamente para gerenciar uma proporção de material de sua infraestrutura no local.
     

    APENAS 5%

    dos entrevistados qualificados atenderam a todos os três critérios.

    Gerenciamento consistente da nuvem: uma oportunidade desconhecida

    Na pesquisa, as organizações que ainda não alcançaram um nível significativo de consistência do gerenciamento da nuvem eram perguntadas sobre qual seria o impacto se a experiência de gerenciamento da nuvem da organização fosse significativamente mais consistente. Os resultados eram dignos de nota, inclusive o que se esperava:

    Economia de 19% nos custos de infraestrutura, em média.

    Redução do número de violações de segurança relacionadas à nuvem, de falhas elétricas de equipamento ou de outros eventos que afetem os dados residentes em nuvem pública em 30%, em média.

    Melhoria na experiência e no desempenho dos desenvolvedores: 96% acreditam que seria mais fácil para os desenvolvedores enviarem código para a produção, com 56% dizendo que esperariam ao menos envios de código diários.

    Como a consistência do gerenciamento da nuvem simplificará operações de TI mais para mais eficiência e controle

    A equipe de TI tem muitas prioridades simultâneas. Executar tarefas operacionais básicas na infraestrutura não deve estar no topo da lista. O tempo da equipe serve para planejar iniciativas de nuvem híbrida, colaborar com linhas de negócios em projetos de transformação digital ou encontrar outras maneiras de impulsionar a inovação e a diferenciação competitiva para a empresa. Entre os entrevistados, 78% acreditam que uma experiência de gerenciamento da nuvem mais consistente aumentará a eficiência do gerenciamento. Como?

    Entre os entrevistados, 78% acreditam que uma experiência de gerenciamento da nuvem mais consistente aumentará a eficiência do gerenciamento.

    Capacidade de aumentar com mais rapidez a especialização e as habilidades dos administradores.

    Com menos ferramentas, os administradores podem aumentar a produtividade mais rápido, eliminando uma infinidade de ferramentas pontuais para aprender. Além disso, se uma organização puder consolidar o gerenciamento da nuvem em ferramentas que os administradores já conhecem, qualquer tempo de aprendizado é condensado ainda mais e os administradores podem se basear na especialização que já tiverem. Por fim, uma experiência de gerenciamento da nuvem consistente reduz o tempo e os gastos necessários para serviços de consultoria e treinamento.

    máquina do tempo

    Redução do tempo desperdiçado por fluxos de trabalho repetitivos.

    Alternar entre uma infinidade de ferramentas para gerenciar a infraestrutura é ineficiente. Ao consolidar fluxos de trabalho em menos consoles de gerenciamento, as organizações podem recuperar a preciosa produtividade do administrador. Quando pedimos que os entrevistados quantificassem as horas de trabalho que poderiam ser economizadas no gerenciamento de infraestrutura se a organização pudesse aumentar a consistência do gerenciamento da nuvem, a resposta média era de 70,5 horas por semana — o equivalente a quase dois funcionários em tempo integral.

    Figura 2. Ganhos de eficiência esperados devido ao aumento da consistência do gerenciamento da nuvem

    Quantos equivalentes de tempo integral (FTEs)/horas de trabalho você acha que a organização economizaria no gerenciamento de infraestrutura se ela pudesse usar ferramentas consistentes de gerenciamento de infraestrutura no local e na nuvem? (Percentual de entrevistados, N=1.195)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    Média estimada:

    70,5

    horas de trabalho a serem economizadas por semana

    tempo reunião

    A consistência do gerenciamento da nuvem promete eficiência… e mais um pouco

    Na pesquisa, as organizações que alcançaram um nível significativo de consistência do gerenciamento da nuvem eram perguntadas sobre qual era o impacto real do gerenciamento da nuvem consistente até então. Embora essas organizações sejam poucas e dispersas, os primeiros resultados são impressionantes. Entre todos os benefícios apresentados na pesquisa, o aumento da eficiência e a simplificação das operações foram os mais relatados (90% dos entrevistados).

    87% aceleraram o time-to-market

    Mas isso não é tudo. Os entrevistados também relatam uma série de outros benefícios além da eficiência de TI: 87% aceleraram o time-to-market, 81% aumentaram o ritmo de inovação, 77% agilizaram os ciclos de desenvolvimento de aplicativo e 74% possibilitaram a adoção das tecnologias transformadoras, como inteligência artificial e aprendizagem automática.

    Figura 3. Diferenças entre benefícios reais e esperados do gerenciamento da nuvem consistente

    Incidência dos benefícios reais em relação a dos benefícios esperados (porcentual de entrevistados)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    A infraestrutura em nuvem privada modernizada é importante quando se trata da otimização da eficiência e da agilidade das operações

    É claro que o plano de gerenciamento do ambiente de várias nuvens é apenas um fator de sucesso. Os recursos da infraestrutura em nuvem privada do ambiente de várias nuvens desempenham um papel fundamental na maximização do valor das iniciativas. Na pesquisa, perguntamos aos entrevistados qual era o grau de "competitividade de nuvem" de seus ambientes de armazenamento, servidor e proteção de dados no local em relação a alternativas de nuvem pública em recursos como tempo de implementação, gerenciamento simples e automação. Aqueles com ambientes modernos — ou seja, a com competitividade de nuvem em todos ou quase todos os recursos — desfrutam de uma vantagem significativa em relação aos outros. Eles são capazes de:

    nuvem marcada

    Concluir projetos em nuvem com maior eficiência e eficácia.

    Aqueles com servidores modernos têm um aumento de 41% na propensão para concluir os projetos em nuvem abaixo do orçamento e um aumento de 60% no número de projetos em nuvem concluídos antes do prazo.

    Gerar mais retorno comercial com a nuvem híbrida.

    Entre as organizações com armazenamento moderno, 89% relatam que são eficazes na geração de valor com iniciativas de nuvem híbrida, enquanto 91% das organizações com uma infraestrutura de proteção de dados moderna relatam o mesmo.

    Como a consistência do gerenciamento da nuvem reduzirá a exposição a riscos

    Alternar entre vários consoles de gerenciamento cria mais do que ineficiência. Também contribui para o risco. Garantir que as instâncias de nuvem sejam configuradas corretamente e corrigidas com eficiência é uma etapa fundamental para evitar explorações e perda de dados. À medida que aumenta o número de instâncias em nuvem em execução em diferentes plataformas de nuvem, também cresce a dificuldade associada a garantir a segurança e a configuração adequadas de todas essas instâncias. Some a isso o fato de que nuvens diferentes podem ter modelos de responsabilidade compartilhada diferentes (as políticas que afirmam quais aspectos da segurança são de responsabilidade do provedor de nuvem e quais são do cliente) e fica fácil ver como a imposição de segurança se torna praticamente impossível em um ambiente de várias nuvens. De novo, uma solução é consolidar o gerenciamento de instâncias de nuvem para uma interface única, permitindo que os administradores tenham maior visibilidade e eliminando os pontos cegos de configuração e de aplicação de patches.

    Uma forma de alcançar esse nível de consistência é padronizar em um único fornecedor de nuvem pública. No entanto, esse tipo de consolidação deixa as organizações ameaçadas por alterações de preço da infraestrutura, por modificações do Acordo de Nível de Serviço, pela capacidade de o fornecedor de nuvem pública de atender às obrigações de conformidade, ficando presas ao roteiro de um único fornecedor de tecnologia, além de um host de outros vetores de risco de "ponto de falha único". Até o momento, as organizações são resistentes a essa abordagem: mais de quatro de cinco (82%) utilizam vários CSPs de infraestrutura atualmente e 86% esperam fazer isso em três anos.

    Em média, os entrevistados relataram uma redução média de 30% nos incidentes de segurança da nuvem.

    No entanto, as organizações enxergam com clareza o valor de aumentar da consistência de gerenciamento da nuvem: 74% dos entrevistados engalfinhados em uma experiência fragmentada de gerenciamento da nuvem concordam que ter mais consistência reduziria o risco e aumentaria a segurança da organização. Quanto? Em média, os entrevistados relataram uma redução média de 30% nos incidentes de segurança da nuvem.

    O gerenciamento da nuvem consistente reduz o risco de maior estabilidade e transições mais suaves

    Embora as expectativas sejam altas, a consistência do gerenciamento da nuvem está cumprindo a promessa. Perguntamos a todos os entrevistados quantas vezes nos últimos 12 meses a organização enfrentou uma violação de segurança, uma falha elétrica do equipamento ou outros eventos que resultassem em perda de dados ou exposição inadequada de dados residentes na nuvem pública. Ao comparar organizações com ambientes de nuvem fragmentados com aquelas de ambientes de nuvem consistente, as diferenças eram grandes: em média, aquelas com ambientes fragmentados têm experimentado 3,6 vezes mais incidentes de segurança e disponibilidade em comparação com essas poucas organizações que possuem operações de nuvem consistentes.

    Os entrevistados SEM consistência do gerenciamento da nuvem atualmente enfrentam:

    ícones aplicativo da Web firewall

    5,2 x

    mais violações de segurança

    ícones excluir banco de dados

    3,9 x

    mais incidentes de perda de dados

    ícones nuvem alerta

    2,7x

    mais falhas elétricas de equipamento

    Como o gerenciamento da nuvem consistente tem um efeito tão drástico nos resultados de risco? A visibilidade é uma das principais razões. A unificação da experiência de gerenciamento da nuvem permite que as organizações gerenciem todas as infraestruturas em nuvem de maneira holística, eliminando pontos cegos, maximizando o controle e — como os dados mostram — melhorando drasticamente a eficácia da segurança. Outro motivo é o melhor controle sobre o posicionamento da carga de trabalho: quando todos os ambientes operam da mesma forma e podem ser gerenciados de modo centralizado, é possível deixar que as necessidades dos negócios e do equipamento determinem onde a carga de trabalho deve residir. Quando pedimos aos entrevistados que caracterizassem o nível de visibilidade e controle, os que tinham uma experiência consistente de gerenciamento da nuvem demonstraram 3,4 vezes mais chances de dizer que tinham visibilidade e controle totais.

    Gráfico 4. Diferenças na visibilidade da nuvem por consistência do gerenciamento da nuvem

    Classificação da visibilidade da infraestrutura em nuvem por consistência do gerenciamento da nuvem. (Porcentagem de entrevistados)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    Como a consistência do gerenciamento da nuvem permitirá a mobilidade da carga de trabalho

    Entre os entrevistados, 83% consideram a liberdade de implementar cargas de trabalho onde quiserem como uma de suas cinco principais iniciativas de tecnologia. Um pouco menos, embora ainda seja uma proporção impressionante (74%) dos entrevistados, enxergam o aumentando a consistência da infraestrutura como uma ajuda para a integração e as migrações da nuvem. Por quê? O uso de ferramentas e modelos conhecidos para implementações de aplicativos e migrações traz eficiência os administradores, aumentando o conforto deles com tarefas e reduzindo os erros. Para medir a magnitude do benefício esperado, o ESG pediu que os entrevistados estimassem a redução percentual no tempo de calendário que levaria para alterar o local em que um aplicativo é executado se ele tivesse mais consistência de gerenciamento de infraestrutura em todas as nuvens. Em média, os eles esperavam uma redução de 35%.

    Gráfico 5. Redução no tempo esperado para migração de carga de trabalho devido à maior consistência do gerenciamento da nuvem

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    ícones jogar

    Média estimada:

    35%

    de redução no tempo de migração de nuvem

    ícones nuvem relógio

    Entre os entrevistados, 83% consideram a liberdade de implementar cargas de trabalho onde quiserem como uma de suas cinco principais iniciativas de tecnologia.

    Validação de que o gerenciamento da nuvem consistente produz melhorias reais de mobilidade da carga de trabalho

    Além de perguntar sobre as melhorias de mobilidade de nuvem observadas, indagamos a todos os entrevistados quanto tempo, de fato, leva para que a organização altere o local em que um aplicativo é executado (isto é, mover uma carga de trabalho de uma nuvem pública para outra ou para a infraestrutura no local). Mais uma vez, o delta observado entre as organizações com ambientes de nuvem fragmentados e aquelas com uma experiência consistente de gerenciamento da nuvem é significativo. Embora dois terços (66%) das organizações com gerenciamento da nuvem consistente relatem que são capazes de portar uma carga de trabalho de uma nuvem para outra em menos de uma semana, 68% das organizações com ambientes de nuvem fragmentados relatam que a linha do tempo seria de várias semanas ou até mesmo meses. Ao mastigar bem os números, vemos que a vantagem média de tempo de calendário desfrutada pelas organizações com uma experiência consistente de gerenciamento da nuvem em relação às que não têm é de cerca de 2,4 semanas de trabalho por migração de nuvem. A capacidade de reduzir o tempo desses tipos de movimentos pode ser a diferença entre uma organização ganhar uma vantagem competitiva em relação às outras ou ser deixada para trás, atolada em um prolongado esforço de migração.

    Gráfico 6. Diferenças na portabilidade da carga de trabalho por consistência de gerenciamento da nuvem

    Tempo para migrar cargas de trabalho de um local para outro por consistência de gerenciamento da nuvem. (Porcentagem de entrevistados)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    ícones jogar

    A consistência da nuvem economiza

    2.4

    ícones calendário

    semanas de trabalho por migração de nuvem em média.

    Mais de quatro a cada cinco organizações (83%) que usam a HCI amplamente hoje repatriaram uma ou mais cargas de trabalho de missão crítica.

    A infraestrutura em nuvem privada é importante quando se trata de decisões de migração

    Um dos motivos pelos quais as organizações tanto desejam a liberdade de implementar cargas de trabalho onde quiserem é porque há muitas localizações viáveis e modelos de consumo para os equipamentos. No entanto, a organização só poderá obter os melhores resultados ao fundamentar as decisões de entrega de carga de trabalho nos requisitos técnicos e nas necessidades dos negócios. Com o tempo, muitas organizações descobrem que as cargas de trabalho migradas para nuvens públicas podem não ser adequadas para esses ambientes. Isso é mais aparente entre as organizações que estão compilando nuvens privadas modernizadas no verso da infraestrutura hiperconvergente (HCI). Mais de quatro a cada cinco organizações (83%) que usam a HCI amplamente hoje repatriaram uma ou mais cargas de trabalho de missão crítica, migrando-as de uma infraestrutura em nuvem pública de volta ao local — um número 20% maior do que entre as organizações que não usam a HCI (69%). Por quê? A HCI, junto com o gerenciamento do ciclo de vida automatizado, reduz muito a carga de gerenciamento das implementações no local, impulsionando a paridade de nuvem pública e no local.

    Como a consistência do gerenciamento da nuvem reduzirá custos

    Cerca de sete a cada dez entrevistados preveem que uma maior consistência de gerenciamento da nuvem reduzirá os custos gerais. Por quê? Espera-se que os desenvolvedores de aplicativos e os códigos deles sejam mais eficientes. Ao otimizarem os aplicativos para uma plataforma de infraestrutura unificada — independentemente de onde a infraestrutura subjacente reside —, os desenvolvedores se especializam ainda mais e podem eliminar ou reduzir decisões sobre a arquitetura de equipamento que elevariam custos em um mundo de nuvem, como aplicativos com saída de dados desnecessária para um microsserviço externo.

    Da mesma forma, à medida que os aplicativos se tornam mais portáteis, as organizações podem ajustar onde as cargas de trabalho são executadas em tempo real para capitalizar a alteração de perfis econômicos entre nuvens, por exemplo, se um provedor de serviços em nuvem pública cortar os preços ou se uma atualização de tecnologia no local reduzir drasticamente os custos operacionais no local.

    Todos esses impactos técnicos, entre outros, têm um impacto direto sobre o custo geral do ambiente, por isso não é surpreende que os entrevistados acreditem que a consistência do gerenciamento da nuvem reduziria os custos de infraestrutura em 19% em média.

    Grupo B

    QUASE 7 A CADA 10

    entrevistados preveem que uma maior
    consistência de gerenciamento da nuvem reduzirá os custos gerais.

    Gráfico 6. Redução dos custos de infraestrutura esperados devido ao aumento da consistência do gerenciamento da nuvem

    Quanto você acredita que sua organização poderia reduzir os custos de infraestrutura utilizando ferramentas de gerenciamento mais consistentes? (Percentual de entrevistados, N=1.195)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    ícones jogar

    Média estimada:

    19%

    ícones baixo preço

    de redução em custos de infraestrutura

    As organizações que alcançaram consistência do gerenciamento da nuvem concluíram 74% de seus projetos em nuvem dentro ou abaixo do orçamento.

    A consistência do gerenciamento da nuvem evita que os custos de nuvem fujam do controle

    Para avaliar a extensão da materialização dos aumentos de custo, perguntamos a todos os entrevistados sobre a capacidade deles de concluir projetos em nuvem dentro das expectativas de orçamento. Os dados comprovam a ideia de que a consistência do gerenciamento da nuvem elevam o custo real para as organizações.

    Os entrevistados das organizações que alcançaram consistência de gerenciamento da nuvem concluíram 74% de seus projetos em nuvem dentro ou abaixo do orçamento, um aumento de 19% em relação a ambientes fragmentados de gerenciamento da nuvem.

    Maior agilidade comercial para acelerar a inovação

    Na economia digital, dados e software são os ingrediente secretos da empresa. Com isso em mente, é fácil ver as várias maneiras pelas quais o aumento da consistência do gerenciamento da nuvem também impulsionará a agilidade comercial.

    Quando perguntamos aos entrevistados a respeito do impacto sobre os desenvolvedores do aumento da consistência da infraestrutura de nuvem pública e no local, 97% afirmaram que facilitaria a vida dos desenvolvedores se eles precisassem compilar apenas para um ambiente. Da mesma forma, 96% afirmou que seria mais fácil para os desenvolvedores enviarem código para a produção. Na verdade, quando perguntamos aos entrevistados com que frequência a organização implementaria um novo código para a produção se a consistência entre nuvens fosse aprimorada, a maioria (56%) pensou que poderiam atingir uma frequência diária de envio de código.

    Gráfico 7. Frequência esperada de implementação de código após o aumento da consistência da infraestrutura

    Com que frequência você acha que sua organização implementaria um novo código na produção se ele usasse as mesmas ferramentas de gerenciamento, independentemente do local da infraestrutura? (Percentual de entrevistados, N=1.190)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    97%

    afirmaram que facilitaria a vida dos desenvolvedores se fossem eles precisassem compilar apenas para um ambiente.

    As equipes de operações de TI serão liberadas das tarefas mundanas de interrupção e reparo da infraestrutura e poderão colaborar com seus parceiros de linha de negócios em prioridades mais importantes — desde racionalizar portfólios de equipamentos, por meio do avanço de iniciativas de lógica analítica, até discutir os requisitos do próximo aplicativo de negócios revolucionário. Quase todos os entrevistados (97%) acreditam que, se a organização pudesse usar ferramentas consistentes de gerenciamento de infraestrutura no local e na nuvem, a equipe de TI seria mais flexível para se concentrar em novos projetos com base na necessidade.

    O impacto esperado nos negócios da maior agilidade possibilitada pela consistência de nuvem foi quantificado de três maneiras na pesquisa:
    foguete

    Redução do tempo para lançamento ou do ciclo do produto em

    6,1 semanas

    Perguntamos aos entrevistados qual seria o impacto no time-to-market do aumento da consistência do gerenciamento da nuvem. Em média, eles imaginam reduzir o tempo de lançamento ou de ciclo do produto em 6,1 semanas.

    Novos produtos ou serviços lançados anualmente

    5.2

    Também perguntamos aos entrevistados quantos produtos/serviços complementares eles achavam que a organização pudesse lançar anualmente com consistência do gerenciamento da nuvem. A resposta média foi 5,2 novos produtos ou serviços lançados anualmente.

    23%

    a mais de projetos na nuvem ou antes do prazo.

    Por fim, nós validamos que as organizações com consistência do gerenciamento da nuvem concluem 23% mais seus projetos na nuvem ou antes do prazo.

    Seja levando produtos às mãos dos clientes mais cedo, levando produtos ao mercado que jamais existiriam de outra maneira, ou as duas coisas, a consistência do gerenciamento da nuvem deve transformar drasticamente a inovação organizacional.

    Gráfico 8. Aceleração esperada da inovação devido ao aumento da consistência do gerenciamento da nuvem

    Quantos novos produtos/serviços complementares você acha que sua organização poderia lançar anualmente se ela tivesse melhor consistência de ferramentas de gerenciamento na nuvem pública e no local? (Percentual de entrevistados, N=886)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    A consistência do gerenciamento da nuvem vira o jogo a favor das equipes de TI

    Discutindo expectativas ou realidade, os entrevistados veem o valor multifacetado do aumento da consistência do gerenciamento de seus ambientes de nuvem. É importante entender como esses benefícios se somam para impactar o quadro geral.

    Por exemplo, todas as organizações da pesquisa estavam operando um ambiente híbrido — com um pouco de infraestrutura no local e um pouco que residia em uma ou mais nuvens públicas. Mas qual foi, até agora, a eficiência de suas iniciativas de nuvem híbrida para gerar valor para a organização? A resposta geralmente é positiva, embora haja uma divisão clara com base na consistência do gerenciamento da nuvem: 38% das organizações com consistência do gerenciamento da nuvem relatam que essas iniciativas têm sido muito eficazes na geração de valor para as organizações contra 27% das organizações sem consistência do gerenciamento da nuvem.

    Gráfico 9. Diferenças no suporte da TI por consistência do gerenciamento da nuvem

    Percepção da TI por consistência do gerenciamento da nuvem. (Porcentagem de entrevistados)

    Fonte: Enterprise Strategy Group

    Recomendações:
    ícones nuvem marcada

    Busca por consistência em nuvem. A pesquisa é muito clara: o custo de perder a oportunidade de criar uma experiência consistente com o gerenciamento da nuvem é alto. As organizações que não avançarem nessa batalha serão ultrapassadas pelas concorrentes que conseguirem isso, e ainda gastarão mais e aumentarão os riscos organizacionais. A boa notícia é que estamos nos estágios iniciais do jogo, mas as organizações devem se concentrar em melhorias significativas de consistência de nuvem nos próximos 12 a 18 meses.

    ícones foguete

    Prioridade para investimentos em nuvem privada. Conforme evidenciado pelos comportamentos de repatriação de carga de trabalho, o futuro dos ambientes de TI é híbrido. Embora a consistência do gerenciamento da nuvem seja fundamental, não é o único requisito para o sucesso da otimização de uma nuvem híbrida. As organizações devem garantir que a infraestrutura no local seja modernizada, compatível com a nuvem, hiperconvergente e orientada por API.

    ícones rua visualização

    Qualificação das funções de transformação. O sucesso da consistência do gerenciamento da nuvem será transformadora para as equipes de TI: 74% das organizações com consistência de nuvem aumentaram o uso de IA/ML, e 77% das organizações com consistência de nuvem aceleraram o desenvolvimento de aplicativos. Conforme as cargas de trabalho de gerenciamento da nuvem são simplificadas, as equipes de tecnologia devem se concentrar no treinamento e no recrutamento de talentos com as habilidades necessárias para desenvolver iniciativas de lógica analítica, DevOps e automação inteligente.

    ícones colaboração

    Não sabe por onde começar? Peça ajuda aos especialistas. Para muitas organizações, agir de acordo com a consistência de gerenciamento de nuvem agora pode soar como uma tentativa de colocar a pasta de dentes de volta no tubo: racionalizar os serviços de nuvem em uso, assim como os controles nativos para gerenciá-los, pode parecer assustador. Se for assim com você, saiba que não está sozinho. Nossa pesquisa mostra que mais de nove a cada dez organizações (91%) trabalha com terceirizados, sejam eles fornecedores de TI, integradores de sistema, revendedores de valor agregado ou todos os três para ajudar a arquitetar e implementar projetos de infraestrutura em nuvem.

    Como a Dell Technologies Cloud pode ajudar

    Esta pesquisa foi encomendada pela Dell Technologies, pela VMware e pela Intel Corporation, todas profundamente focadas em ajudar organizações a alcançarem suas metas de nuvem com a Dell Technologies Cloud. Todas as decisões sobre tecnologia devem ser tomadas levando em consideração as pessoas, os processos e o atual estado contabilizado. A Dell Technologies está concentrada em atender às organizações em que eles estão e oferecendo as soluções de tecnologia e serviços necessárias para ajudá-los a arquitetar uma estratégia de TI vencedora de várias nuvens, que se baseia em ferramentas e habilidades existentes para desbloquear melhores resultados.

    A Dell Technologies Cloud, criada na VMware Cloud Foundation, é um conjunto de soluções de infraestrutura em nuvem projetadas para permitir um modelo operacional consistente e um gerenciamento simplificado em nuvens privadas, nuvens públicas e localizações periféricas, o que reduz as barreiras da adoção da nuvem e possibilita deixar que os requisitos dos negócios e do equipamento determinem onde as cargas de trabalho devem residir. Esta visão para o portfólio da Dell Technologies vem da compreensão de que a nuvem é um modelo operacional, não um lugar, e da ambição por se tornar o parceiro de tecnologia confiável de organizações que buscam reduzir a complexidade de vários ambientes de nuvem com uma camada consistente de infraestrutura e operações.

    Para saber mais sobre como a Dell Technologies Cloud pode ajudar você, comece por aqui.

    Todas as marcas comerciais são propriedade de suas respectivas empresas. As informações contidas nesta publicação foram obtidas de fontes que o ESG (The Enterprise Strategy Group) considera confiáveis, mas não são garantidas pelo ESG. Esta publicação pode conter opiniões do ESG, que estão sujeitas a mudanças de tempos em tempos. Esta publicação recebe direitos autorais da Enterprise Strategy Group, Inc. Qualquer reprodução ou redistribuição integral ou parcial desta publicação, seja em formato impresso, eletrônico ou em qualquer outro formato, para pessoas não autorizadas a recebê-la e sem o consentimento expresso do The Enterprise Strategy Group, Inc., representa uma violação da lei de direitos autorais dos Estados Unidos e estará sujeita a uma ação por danos civis e, se aplicável, a processo criminal. Em caso de dúvida, entre em contato com o Departamento de atendimento ao cliente do ESG nos Estados Unidos pelo telefone +1 (508) 482-0188.

  • Os consultores da Dell Technologies estão aqui para ajudar.

    • Artigo do ESG Research Insights: “The Cloud Complexity Imperative: Why Organizations Must Unify and Simplify the Management of their Sprawling Multicloud Environment”, pesquisa conduzida em nome de Dell Technologies, VMWare e Intel Corporation, fevereiro de 2020. Os resultados são baseados em uma pesquisa com 1.257 responsáveis por decisões de TI de 11 países e comparam o gerenciamento consistente de operações na nuvem pública e na infraestrutura em nuvem privada e moderna no local. Os resultados reais podem variar. Leia o relatório completo aqui.